sábado, 4 de setembro de 2010

SETEMBRO - VIVA AS PLANTAS!


Setembro - Primavera!
Setembro ganha um novo encanto com a chegada da Primavera! Para você que curte plantas, mora em casa ou mesmo em apartamento pequeno aceite o convite e plante um jardim até mesmo em cantinho da sala. Arregace as mangas e comece a mexer na terra a falar com suas plantinhas, é saudável, é bom, é relaxante!

Operação Primavera
Para interiores há dois segmentos de plantas: as que precisam de muita luz solar (Heliófitas) e as que vivem melhor em locais que tem sombra (Umbrófilas). Quando colocadas em uma sala ou em um hall, deve-se optar pelas Umbrófilas, como comigo-ninguém-pode, antúrio, filodendros, espada ou lança-de-são-jorge, planta da fortuna, planta da felicidade, espatifilos e violetas. Em locais ensolarados, como uma varanda ou um solário, devem-se escolher as Heliófitas, como as clúsias, fórmios, azaléias, ráfias, e palmeiras de pequeno porte, como ráfias ou fênix, que dão um original charme ao ambiente.


Antes de ter um jardim em sua casa é preciso que conheça algumas dicas, truques e as reais necessidades das plantas para cuidar bem delas. Em troca, elas envolverão sua casa numa suave e tranquila onda verde.
Mas atenção, aqui vão pequenas dicas que podem te ajudar:
1) Qualquer cantinho de sua sala pode ser o "terreno" ideal para fazer um jardim. Mas uma coleção muito grande de plantas num único ambiente pode acabar parecendo um amontoado de verde.
2) As plantas colocadas próximas às janelas tendem a crescer na direção da luz. Para que elas cresçam de maneira uniforme vire os vasos de vez em quando, para receberem luz de todos os lados.
3) Use vasos de barro, xaxim ou amianto que permitem que as raízes respirem livremente.
4) Lave as folhas das plantas para elas respirarem melhor.
5) Vaporize suas plantas ao menos duas vezes por semana. Elas adoram "banho".


Horta Vertical


Cuidado com as plantas :
. Folhas murchas - pode ser consequência do apodrecimento da raiz.
. As folhas começam a ficar menores - sinal que está na hora de trocar de vaso.
. Planta murcha e folhas caindo - pode ser que ela não esteja recebendo luz suficiente. Troque a planta de lugar. Leve-a para um local mais ensolarado.
. Não dê muito "remédio" para as plantas - uma planta bem tratada dificilmente ficará doente. Se está bem alimentada, com perfeitas condições de iluminação e respiração, a possibilidade de adoecer é bem menor. Uma das coisas que não se deve fazer é dar "remédios" às plantas sem necessidade. A mania de colocar inseticida ou fungicidas para prevenir males significa o mesmo que uma pessoa tomar periodicamente antibióticos fortes ou outros remédios para não ficar resfriada, por exemplo. Também como as pessoas, as plantas não precisam ficar tomando fortificante (fertilizantes) sem necessidade. Sua força vem do sol, do ar, da água e dos nutrientes da terra.
. Folhas amarelecidas e caídas - sintoma de super irrigação.
. Água na dose certa -Como saber qual é a quantidade de água de que cada espécie precisa? Um caminho é observar o desenvolvimento das plantas para descobrir suas necessidades. "Grande parte dos exemplares morre por excesso de água e não por falta dela. É preferível regar freqüentemente e sem exageros. Terra encharcada propicia o aparecimento de fungos e pragas e provoca o apodrecimento das raízes", sinta a umidade da terra pressionando o dedo no vaso até 2,5 cm de profundidade. Regue apenas se perceber que o solo está seco.
Dicas: 
1. Procure molhar as plantas pela manhã. Assim haverá tempo para a absorção e a evaporação de um eventual excesso. A umidade que persiste por toda a noite aumenta a chance de um ataque de fungos.
2. Use um regador que passe entre as folhagens sem machucá-las e libere um pequeno volume de água por vez. Os de bico longo funcionam bem.
3. Durante os meses de inverno, as regas devem ser mais espaçadas, pois as plantas entram em repouso.
4. Vasos de barro absorvem mais água que os de plástico e pedem um intervalo menor entre as regas. Mas é justamente a porosidade do material que permite que as raízes respirem melhor.




Uma detalhe muito importante que aprendi com minha mãe, é de que para cultivar qualquer especie de planta temos que gostar, pois elas sentem esse carinho.
Espero que minhas dicas possam ajudar de alguma forma, esse assunto e bem extenso, talvez eu volte aborda-ló futuramente.
Agradeço o carinho dos meus seguidores e a dos novos visitantes. Abraços à todos.

2 comentários:

  1. AMIGA SEU BLOG É SHOW, DICAS MARAVILHOSAS. TUDO LINDO!!!
    BJUSSS!!!

    CRIS

    ResponderExcluir
  2. Muito bom, Claudia!
    Me ajudou bastante. Sou um iniciante e vou ver se aprendo mais coisas no seu blog.

    ResponderExcluir